1 1
Home Quem escreve Meus livros Contato

segunda-feira, 27 de julho de 2015

ULTRASSONOGRAFIA

A mamãe está te vendo...
Te sentindo lindamente...
Aos poucos tu vais crescendo
Até nascer docemente;

Vejo cada movimento
Na doce respiração...
Cresce mais o sentimento
De te amar meu coração;

Sei que fui escolhida...
Seja menino ou menina...
Vou amar por toda a vida
Minha estrela cristalina;

Dias de felicidade
Até o teu nascimento...
Da gravidez a saudade...
Lembranças doces no vento;

Copyright(c)samuelbalbinot

37 comentários:

Ivone disse...

Bom dia amigo Samuel, chegando de férias, aqui de novo encontrando belo poema em louvor a vida que se inicia, lindo demais!
Amor de nossas vidas, nossa mãe, ela é o deus primeiro que conhecemos por aqui, nesse vale de felicidade, jamais quis repetir a frase conhecida"vale de lágrimas", pois para mim não existe e espero jamais existir!
Deixo abraços bem apertados meu amigo sempre muito bem inspirado!

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Oi Samuel,esse é um momento inesquecível para todas as mulheres.
Adorei o seu texto.
Bjs e obrigada pela visita.
Carmen Lúcia.

Bell disse...

Momentos mágicos.

bjokas =)

Mariangela do Lago Vieira disse...

Lindo momento, para não esquecer jamais!
Amei tua doce poesia!
Beijos,
Mariangela

Cidália Ferreira disse...

Momentos que apenas acontecem uma vez.,Amei

Beijo, excelente semana

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Blog da Gigi disse...

Adorei seu cantinho! Seguindo! http://gigicandy29.blogspot.com.br/

Vera Lúcia disse...

Lindeza de soneto, querido Samuel.
Traz a marca da sua doçura.
É mágico este acompanhamento do desenvolvimento do novo ser que se prepara para vir ao mundo. Não há como a mãe não se emocionar ao ouvir cada batida do seu coraçãozinho.

Amei!!

Feliz semana.

Beijo.

Dorli Ramos disse...

Oi Samuel,
Eu li no meu e-mail e vim aqui lhe dar os parabéns por essa linda composição poética.
Beijos no coração
Dorli Ramos

Larissa Fonseca disse...

Um sentimento tão puro narrado lindamente...

Tais Luso disse...

Bem assim, lindamente meigo esse seu soneto, querido Samuel! As conversas, a expectativa de como seria o rostinho...tudo igual à narrativa! A preparação do enxoval, do quartinho, enfim da vida que seria aumentada.
Ótimo! Uma linda semana, chamaria você de poeta da sensibilidade, já que a Mi lhe chama de poeta das asas douradas...
bjus!

Donetzka Cercck L. Alvarez disse...

Boa noite,querido amigo Samuel.

É bem tudo isso mesmo que descreveu tão lindamente em seu soneto.
Parece um sonho e é a espera mais encantadora do mundo.

Amei seu poetar como todos!

Obrigada pela visita.

Sobre o site que aparece,já o bloqueei,mas não é vírus ou outro.
Quando ele surge para mim,some em 1 segundo.

Beijos sabor carinho e linda noite de terça-feira.

Donetzka

Bia Hain disse...

Olá, Samuel, como vai?
O momento da ultrassonografia é mágico e especial, lembro-me da sensação incrível... ser mãe é mágico e transformador, deve ser sempre motivo de muita alegria. Abraços!

Clau disse...

Bom dia Samuel,
Até o momento da ultrassonografia
de um bebê,
ganhou uma homenagem sua!
Amei a inspiração :)
Beijos!

Fábio Murilo disse...

É o milagre da vida, a química do corpo trabalhando ativa. Ótimo, Samuel! Abraços!

Paloma Viricio disse...

Oiee Samu! Tudo bem? Saudade de você!
Linda essa poesia. Realmente ver o bebê crescendo forte e saudável deve fazer a mamãe aumentar o sentimento a cada dia.
Cada dia escrevendo melhor...
Beijosssss mil!
Monólogo de Julieta

Lilly Silva disse...

Que lindo Samuel!!! Sabe, que eu leria teus poemas, por dias a fio sem me cansar!!!
E esses então, me tocam no fundo do coração e da alma!!!
Beijos e beijos

http://simplesmentelilly.blogspot.com.br/

lia disse...

Desculpe Samuel postei o comentário como se fosses a Lilly,mas de qqer forma tá lindíssima esta poesia. abçs

Rita Sperchi disse...

Olá td bem por aqui?
Voltando e fazendo a festa no meu Blog passe por la
ficarei feliz com sua visita, desejo um final de semana feliz
Abraços com meu carinho de sempre

└──●► *Rita!!

POESIAS SENSUAIS E CONTOS disse...

Parabéns por este precioso momento. Uma feliz noite e um belo fim de semana.

Francisco Manuel Carrajola Oliveira disse...

Gostei deste belo poema.
Um abraço e bom Domingo.

Patrícia Pinna disse...

Boa noite,Samuel.
Realmente,não tem como não se emocionar assim.
Maravilhoso ver a vida se formando dentro do ventre materno independente de sexo.
Momento inesquecível!
Tenha uma semana de paz.
Beijos na alma.

Nequéren Reis disse...

Que pureza estar neste poema arrasou com sempre sucesso, tenha uma semana abençoada.
Canal:https://www.youtube.com/watch?v=eNNlFtDc1-o
Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

Danny disse...

Que perfeição! Exatamente o momento que estou vivendo.. Conto os dias para fazer ultrassom, e quando saio da sala da ultra, já é contando os dias para a próxima, rs ... Adorei o poema, sabias e doces palavras, pois é um amor sincero, e mais perfeito que existe, um amor que cresce a cada dia.

http://destinoincertoo.blogspot.com.br/

Elyane Lacerdda disse...

Amigo,
você é retrato do purismo nos versos,
amo sua singeleza!
Bjos e uma semana de anjo para vc!
http://www.elianedelacerda.com

Bandys disse...

Samuel,
Voce é de uma delicadeza impar.
Seus versos bordam momentos de lisura e
pureza.
Adorei. Uma semana cheia de paz e luz
Beijos

Evanir disse...

Samuel..
Querido amigo você é muito especial
nunca deixarei de ser sua fã .
Cada poeta tem seu estilo ou maneira de escrever seus versos.
A delicadeza dos seus poemas me encantou desde quando conheci você a um bom tempo.
Uma semana linda para você beijos.
Evanir.

Dorli Ramos disse...

Oi Samuel,
Estou de blog novo, só posto de segunda e sexta, só tem três postagens.O Lua fica para leituras e pesquisas

Nequéren Reis disse...

Obrigado pela visita amei a sua presença.
Canal:https://www.youtube.com/watch?v=eNNlFtDc1-o
Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br

Edna Sa disse...

Que lindo...
Deu ate saudades de quando estava gravida, bons momentos...
Beijos no seu coraçao...
http://diamantenegroraro.blogspot.com.br/

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Querido Samuel, que beleza de criação, falar em versos sobre Ultrassonografia de um bebê no ventre da mãe, e ato de um escritor como você. Só, as mães sabem e sentem o que você descreveu em versos. Divina magia combinada com as letras. Grande abraço!

Aline Teles disse...

Que belo poema, amigo. Deve ser um momento incrível. Perceber aquele pequeno ser se desenvolvendo no ventre. Espero um dia ter essa experiência. Beijinhos.

Poções de Arte disse...

Bom dia, Samuel!
Como está? Demorei mas cheguei para apreciar mais esse belo poema.
Acho que a alegria é indescritível ao perceber coraçõezinhos batendo através da ultrassonografia - um momento mágico, especial...
E como está o inverno por aí? Por aqui, estou frustrada... rs. O calor é insuportável e pior que isso, a secura do ar. Depois de um ano (no outro inverno), tive novamente um ataque de rinite que me derrubou. Enquanto não chove fica muito difícil respirar nessa poluição toda. Acho que vou me mudar para o sul...

Abração esmagador e lindo dia.

Eu...Suzana disse...

Oi meu amigo querido,
acho que as tuas palavras expressam muito bem esse sentimento tão lindo, tão angelical e sublime que é ser Mãe. Belo o teu poema, viu?
Um beijo carinhoso e até!!

Lu Nogfer disse...

Oi Samu
Você como sempre, traduzindo em lindos versos , momentos incríveis. Parabéns pela sensibilidade.
Beijos, doce poeta.

Anônimo disse...

I am extremely inspired with your writing abilities as neatly as with the format on your
blog. Is this a paid topic or did you modify it your self?

Anyway keep up the excellent quality writing, it's uncommon to look a nice blog like this one these days..


Here is my page: Muse Hair Salon Tampa

Vanessa M. disse...

Olá Samuel!

Obrigada por sua agradável visita em meu blog..
Gostei muito do seu! Estive lendo os seus poemas e achei-os maravilhosos. Estarei acompanhando suas postagens..

Um grande abraço

Aline Thompson disse...

Você sempre me fazendo pensar sobre quando eu for mamãe! ^^ Acho tão lindo maternidade!