1 1
Home Quem escreve Meus livros Contato

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

COMO UMA CRIANÇA NOVAMENTE

Imagens da minha idade mais pura...
Dos meus anos de criança vangloriados;
Vislumbres dos meus tempos retratados
Em versos cheios de amor e ternura;

Meu sorriso corria em formosura...
Meus olhinhos vestidos com bordados
Magistrais eram tão bem cuidados...
Eram pérolas cheias de candura;

A alegria vestia o meu sorriso...
E eu corria e corria em direção
Ao mais maravilhoso paraíso;

Eu sentia no peito o coração
Bater tão mansamente... dando um riso
De criança vindo da alma em rendição;