1 1
Home Quem escreve Meus livros Contato

domingo, 11 de agosto de 2013

SONETO A MEU PAI

Ó meu Pai... obrigado pela vida...
Por todos estes anos cá comigo;
Obrigado por seres meu amigo;
Por seres a palavra tão medida;

Me protegeste de toda a ferida...
Mostrando-me o caminho que hoje sigo...
Sem seu carinho e amor eu não consigo
Encontrar-me na estrada merecida;

As aves sonorizam meu caminho;
Contigo ao lado não estou sozinho;
Me sinto tão seguro e feliz Pai;

E nos segredos, e na luz formosa...
Deixo minha lembrança mais preciosa
Do tempo de criança que se vai!...


Soneto