LAPIDANDO VERSOS

Home Quem escreve Meus livros Contato

sexta-feira, 4 de maio de 2018

DIAS DE HOJE

Pare de olhar a aparência,
Que jaz no teu semelhante.
Ela não tem congruência,
Nem te faz mais elegante.

domingo, 22 de abril de 2018

VOZES DO NOSSO INTERIOR

Um coração, uma alma, uma paixão,
Um beijo, um toque, um tímido carinho,
Um abraço apertado, uma canção
De amor a iluminar o teu rostinho.

Uma esperança, um sonho, uma visão,
Um jardim, uma rosa sem espinho,
Um sentimento lindo desde então,
Que alegra meu peito ainda tão sozinho.

Uma chama de amor a florescer,
Uma palavra linda de dizer,
Uns olhos tão brilhantes me sorrindo.

Uma lembrança tão bela guardada,
Uma estrela a brilhar na madrugada,
Um luar vestindo o manto mais lindo.

sexta-feira, 13 de abril de 2018

O AMOR REINA

De todo o amor que reina no teu peito,
E que de mim se encontra a suspirar.
E mesmo que eu por ti não seja eleito,
Ficarei noites tantas a te amar.

Reina ele num jardim mais que perfeito,
Reina no coração teu a esperar,
Pelas mais belas flores do meu leito,
Cobertas dum amor a te tocar.

E mesmo que teu riso não me chame,
Que o mel dos lábios teus não se derrame,
Ficarei por segundos bem assim...

Embriagado com todo o jasmim,
Que perfuma o teu corpo e me fascina.
Queria este perfume ser menina

domingo, 25 de março de 2018

NOITE DE LUAR

Da noite o luar que nos cobre o rosto;
Nos meus olhos o amor teu se acalenta,
E devora meu ser que se alimenta
Da paixão tanta que reina com gosto.

Teu peito tímido é um doce encosto,
Recosto-me nele e tanto me tenta.
Minha mão atrevida não contenta
Nos teus seios toca enquanto recosto.