LAPIDANDO VERSOS

Home Quem escreve Meus livros Contato

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

NOSSOS LÁBIOS















Nossos lábios são harpas majestosas;
Quando se tocam formam melodias
Que ouvimos juntos das mais lindas rosas... 
Que afloram no passar doce dos dias;

São pérolas nas noites luminosas... 
São versos lapidados em poesias... 
São o néctar das flores mais formosas 
Bebidos nos jardins das fantasias;

Nossos corações são ninhos de amor... 
São castelos da mais virginal flor 
Que zelamos por toda a nossa vida; 

Nossas almas são céus lindos de anil... 
São véus que cobrem o rosto febril... 
São uma primavera colorida;   

20 comentários:

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Um soneto sensual escrito com muita delicadeza.
Gostei Samuel.
Bjs e uma ótima semana.
Carmen Lúcia.

Cidália Ferreira disse...

Majestoso poema! Amei

beijos

Tais Luso disse...

Como está, querido amigo? Lindos versos de amor, dá pra ver que o trabalho lhe tira tempo, mas a poesia continua igual, com a mesma qualidade!
Beijos, uma linda semana!

Gracita disse...

Olá Samuel
Tua poesia é majestosa. O eu lírico foi declamado com esplendor
Um abraço

Ana Bailune disse...

Bom dia, Samuel.
Lindos versos! De um romantismo sem exageros, sem açúcar demais.

Carolina Botelho disse...

Muito bonito seus versos, tem sutileza e muito romantismo :)
Um abraço o/

Bandys disse...

Ola Samuel,
Adorei.
Falastes com maestria
o encontro dos lábios.
Muito bonito.
Tenha uma ótima noite e receba um beijo meu.
ate sempre

Adriana Helena disse...

Olá poeta Samuel, quanto tempo não é mesmo?
A saudade bate forte e aí recorremos ao doce sabor da poesia...
Vir aqui e ler letras bonitas assim é sempre encantador!!
Você continua muito bem na poesia, sua sensibilidade e sabedoria em escrever linhas ternas, jamais se esgota..
Parabéns por tão belo talento!

Um grande abraço e uma semana maravilhosa amigo! :))))

Denise Sayuri disse...

porque que toda vez que volto, não paro de me surpreender com esses poemas?
que cada vez mais deixa a gente sonhando em encontrar o amor assim, puro e verdadeiro, forte e intenso...

Meu amigo Samuel, se deixa vc feliz, estou de volta, dessa vez não quero mais me afastar daqui, voltando e com uns textinhos novos, uns textinho em forma de diálogos sabe, uns diálogos escritos na mesma forma que redes sociais, e espero que goste tbm, a gente vai fazer uns mix de escritos ♥
bjooosss
Adoro aqui amo muito, sempre vou lhe visitar pode ter certeza

Aline Goulart disse...

Belíssimo soneto, amigo! O beijo é um dos atos de amor mais lindo que existe. Beijinhos e ótimo domingo.

Daniel Andre disse...

Amigo Samuel, sempre divino nas palavras.
Nada melhor que deixar a poesia de um casal, ser encontrada em ambos os lábios.

Abraços,
Dan
http://pensamentosdeumhomemgago.blogspot.com.br/

Helena G.S.R disse...

Olá, querido poeta!
Que lindo!
Às vezes, quando determinados lábios se encontram, podem agir em perfeita harmonia.

Beijão!
Blog: *** Caos ***

Rita Sperchi disse...

que saudade de vc meu doce poeta
e que lindo de ler e aproveitar cada
palavra lábios qdo se encontram é
puro amor bjuss de boa semana
Rita!!

Smareis disse...

Boa noite poeta!
Tudo bem com você?
Estamos um pouco sumido em?
Estava com saudades!
Lindo, ardente e delicado teu poema.
Bem tecido e construído com brilhantismo.
Tudo na medida certa.
Adoro teus escritos.
Ótima semana!
Um punhado de sorrisos!
Abraço grande!
Beijos no coração!
Blog da Smareis

Poções de Arte disse...

Mais um lindo poema, meu amigo!
Romântico na medida certa, delicado...

E como estão as coisas por aí?
Um lindo dia pra você.
Abraços esmagadinhos.

Sony Azevedo disse...

Belo, muito belo. Uma sensualidade que se perde na ternura do lirismo. Muita luz e paz. Abs

Carol Russo S disse...

Oi Samuel, que saudades de você e do blog. Você sumiu também, hem? Como está a vida? Corrida? Fiquei triste, agora você só está postando uma vez por semana???

Lindo poema, querido amigo! Uma sensualidade, descrição típica da sua escrita. Parabéns!

Nanda Olliveh disse...

Belo soneto, Samuel!

O que é o beijo, senão uma taça de amor, que faz dois corpos vibrarem na mesma intensidade.

Beijo.

Nanda

Ivone disse...

Lindos versos sensuais, o amor a paixão, poesias que nos transportam ao mundo romântico na medida certa!
Amei ler!
Abraços apertados!

Valeria xavier disse...

Ualll....lindo!!...esplêndido!!!