1 1
Home Quem escreve Meus livros Contato

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Ó NOITES FRIAS

Ó noites frias e maravilhosas...
Ó noites de perfumes e de flores
De brancas e vermelhas e medrosas
Flores cálidas de eternais amores;

Ó noites estreladas e formosas...
Vestidas com o manto dos brancores
Mais puros das donzelas dadivosas
Espalhando nos céus finos odores;

Olhe donzela, como a noite brilha...
Como um anjo feliz a harpa dedilha...
Como a brisa suspira e passa e canta;

Olhe bem minha virgem como encanta
O leve passar dela pelos ares...
Olhe donzela, que lindos luares!... 

Soneto

19 comentários:

Ritinha disse...

Bom dia!!!
Em noites frias e com boa companhia, o melhor é o aconchego do abraço...
Inspirado, heim amigo?!!!
Delicia inspiração para esta manhã tão fria e chuvosa.
Beijos
Ritinha

Cidália Ferreira disse...

Bom dia Samuel

Lindo o teu soneto.
As noites frias são complicadas... e que tal uma companhia?loooool
Gostei de ler

beijos
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Fernanda Bender disse...

Sei que essa noite aqui no Sul foi fria mesmo...
Belo soneto, amigo gremista :)

Ana Bailune disse...

Vejo você como um menestrel. Adorei!

Laura Santos disse...

Donzela, flores, luares e uma harpa!
Tudo beleza e harmonia num delicioso soneto!
xx

Ani Braga disse...

Bom dia Samuel querido



Noites frias, estreladas com perfume, música e com a pessoa amada, só pode resultar em lindas palavras. Ficou maravilhoso o poema.

Beijos
Ani

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Nessas noites frias,nada como termos alguém
que possamos abraçar e ficarmos juntos para um aconchego.

Belo soneto amigo Samuel,sua inspiração vai além
da imaginação.
Gostei.

bjs
Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

Bell disse...

A melhor coisa é ter um colinho pra se aconchegar né?

tenha um maravilhoso dia =)

Rute disse...

Samuel parabéns pelo soneto,as noites frias na companhia da pessoa amada, é tudo de bom não é verdade?
Beijos, de bom dia

Ricardo- águialivre disse...

Boa tarde amigo Samuel

Sempre com inspiração divina

Deixo abraço
****************************
http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

Rita disse...

Olá Samuel, um lindo soneto, mesmo com
as noites frias o amor é tão singelo, e ter um
alguém que perfeito.......
Sua inspiração me encanta como sempre

Bjussss
└──●► ¸.·*´¨) ¸.·*Rita!!

Dorli disse...

Olá Samuel
Como sempre seus sonetos são lindos e diferentes.
Deve até sonhar com seus personagens.kkk
Como é bom sonhar e fugir dessa realidade nula e cruel
Beijos
Lua Singular

Rovênia disse...

Olá Samuel,
Ando querendo noites frias. Aqui estamos nos dias mais quentes do ano! Não inspiram poesia alguma! Mas a poesia é atemporal, não é mesmo? :) Ótima terça!

Nádia Santos disse...

As donzelas inspiradoras desse poeta... aiaiai!
Bjusss, como sempre lindo!

Lu Nogfer disse...

Ó céus,o que dizer diante de tanto lirismo?
Sucintamente: adoro!Lindo!

Beijos e uma linda tarde pra você amigo poeta!

Kaka Stelê disse...

Ó noites frias,e quanto mais fria mais o céu e as estrelas brilham aqui,amei o perfume das flores brancas e vermelhas exaladas nesse belo soneto!

Grande Abraço!

Natalia Scholze disse...

Adorei o soneto! Muito bom, escreve lindamente. Estarei aqui mais vezes, sou amante das poesias.
Abraços,
Nati,
http://nataliascholze.blogspot.com.br/

Severa Cabral(escritora) disse...

SAUDADESSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS
ESSA É A PALAVRA QUE TRAGO NO CORAÇÃO.
ESTOU CHEGANDO DE VEZ PARA ME DELICIAR DE SUAS LINDAS POSTAGENS ...
SEUS SONETOS É MAIS UM QUE VC DEIXA ESCAPAR SUA INTELIGÊNCIA ...
GRATA PELO CARINHO QUE VC SEMPRE DEIXOU LÁ NO MEU CANTINHO.SEU CARINHO É A EXPRESSÃO DO QUANTO TENS GUARDADO NA ESCRITA ...BJSSSSSSSSSSSSS

Simone Melo disse...

Um soneto que me deixou
a suspirar...tao bom ler
algo assim, tao suave.
Adorei...quando gosto, so
comento não vou interagir
para não tirar a beleza das
tuas palavras...Abraços