LAPIDANDO VERSOS

Home Quem escreve Meus livros Contato

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

VAMOS CONTAR ESTRELAS

Olhe a imensidão... do céu gelado...
Olhe quantas estrelas... espalhadas
Pelo manto da escuridão... maravilhado
Por ter todas elas... ali paradas;

Olhe a solidão... o rio derramado
Pelas milhares de velas... douradas...
Pelos pedaços de um coração... quebrado
Jogado sobre aquelas... purificadas;

Vamos contar... estrelas no céu...
Vamos desenhar corações... e flores
Nas estradas infinitas... maravilhosas;

Vamos tirar... delas o véu
E vê-las como botões... tentadores
De rosas bonitas... preciosas;  

46 comentários:

Ritinha disse...

Bom dia!!! E que tenha uma excelente semana...
ah! quantas vezes olhando para o céu, tentei contar as estrelas, mas as lágrimas não deixavam... em outras, queria ver qual era a maior, a mais brilhante, a mais intensa para ter a força de atender um pedido. Acreditava em fazer pedido as estrelas daria sempre certo.
mas, em outros, adorava a beleza que podia ter ao alcance de meus olhos. Onde moro ainda tenho o privilegio de ver muitas estrelas no ceu.
adorei o poema...
bjs
Ritinha

Rute disse...

Bom dia Samuca, quando criança sempre fazia pedidos a estrelas, não lembro se esses pedidos se realizaram, só sei que é lindo olhar um céu estrelado.
Beijos de bom dia e até sempre!

Ivone disse...

Bom dia e bom começo de semana!
Samuel, que lindo isso, aqui em Sampa não se v~e estrelas no céu devido as luzes da cidade, mas quando estou lá na casa da praia fico horas olhando para aquele
céu maravilhada, são tantas, parece veludo negro todo pontilhado de dourado e prateado!
Linda a sua inspiração, amei ler, obrigada meu amigo pelos livros, estou aos poucos lendo e relembrando o que aprendi, ah, mitologia, é pura magia!
Abraços!

Cidália Ferreira disse...

Bom dia

Maravilho soneto!! Amei

Beijo e uma excelente semana.

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Samuel,contar as estrelas e olhar o quanto são lindas é maravilhoso.
Um céu estrelado é convidativo aos enamorados.
Adorei o Soneto
bjs amigo
Carmen Lúcia-mamymilu

Laura Santos disse...

Querido, Samuel, o seu soneto está lindo, mas contar estrelas é força de expressão, não é mesmo?....;-)
Ah, você é um romântico inveterado!
Gostei muito.
xx

Bell disse...

bom diaaa

Apreciar o céu e as suas riquezas é algo maravilhoso =)

Maria José Rezende de Lacerda disse...

Olá. Muito obrigada pelas dicas que deixou em meu blog. Grande abraço.

Vall Nunnes disse...

Céu gelado...contar estrelas...botões tentadores!
Sugere um casal na relva, na escuridão da noite tomados pela magia dos sentimentos. A paisagem noturna também é linda.
Lindíssimo!
Beijo meu lindo.

Maria Adeladia disse...

SAMUEL:Bom dia, meu amiguinho!Como vai?
Seu poema fez-me lembrar a minha infância...rsss, nesta época, achava que podia contar as estrelas...rsss, admirava tanto o céu, sua imensidão!Muito lindo o poema!Mas uma homenagem ao universo!Bjs e uma semana de paz, esperança e realizações.

Fernanda Bender disse...

Seria uma tarefa bem longa contar todas as estrelas do céu... mas creio que ao lado de um coração amigo nada é impossível.
Belo soneto, um abração!!
Obs.: com esse toró que tá caindo essa é uma tarefa um tanto impossível... mais fácil contar filmes na TV ou pipocas na tigela.

Natalia Scholze disse...

Que lindo Samuel! As estrelas e as flores deixam tudo mais belo, ainda mais em um poema.
Beijos,
Nati,
http://nataliascholze.blogspot.com.br/

Larissa Marilia disse...

Um 'precioso' poema Samuel!
Assim como as estrelas, que cintilantes brilham desde o céu, inspirando poetas como você, a escrever sentimentos...
Beijinhos ^^
http://aspoderosas1.blogspot.com.br/

Dorli Silva disse...

Oi Samuel,
Vou misturar tudo e fazer um chá e beber até me entorpecer de amor
Beijos
Mundo dos Inocentes

Clau disse...

Oi Samuel :)
Contar as estrelas ou observá-las,
é algo fascinante...
Aos nossos olhos são tão pequenas,
no entanto são grandiosas e estão sempre a brilhar para alguém.
Bjs!

escuchando palabras disse...

que bello poema, alentador para comenzar la semana!!!

Bandys disse...

Oi Samuel,
Uauuuu! Enquanto as pessoas olhar estrelas
desenhar coraçãoes e colher flores o mundo sera bem melhor.
E claro com seus versos.
Uma semana cheia de brilhinhos no céu.
beijos

Mary disse...

Lindo...Gosto de ficar vendo o céu cheio de estrelas,
Aqui temos esse privilégio já que o céu está sempre limpinho e lindo.

Bjo querido Samuel

Aline Teles disse...

Belíssimo poema! Brilhante como as estrelas. Desculpa o sumiço, mas a fase está muito complicada. Espero visitá-lo mais brevidade. Beijos.

Nádia Santos disse...

Contar estrelas... a dois... hum que coisa maravilhosa! Adorei....bjus pra ti.

✿ Rê ✿ disse...

Olá poeta!
O céu é maravilhoso quando está todo estrelado. Fica um clima todo especial, romântico.
As estrelas me encantam, assim como as flores.
Eu ia postar o soneto ontem, mas fiz uma postagem sobre uma miga que se foi.
Tenha um ótimo dia!
Com carinho

Femme Digital- Mãe, Esposa, Mulher!

Rô... disse...

oi Samuel,

adoro olhar o céu,
ele é inspirador,
e quando temos a companhia certa,
esse momento se torna mágico...

beijinhos

Bruxa disse...

Eu adoro olhar o céu, aliás, quase caí da vassoura outro dia (tropecei pela rua rsrs). E quando as estrelas estão visíveis é um espetáculo!
E lendo sua postagem, me lembrou o livro que estou lendo "A Culpa é das Estrelas", um livro muito legal. Ainda não conhecia nada sobre esse autor e estou me apaixonando.
Se gostas de ler, taí uma dica.

Abração esmagador e ótimo dia (ops, esmagado de leve! rs).

Rosemary Lima disse...

E quem não gosta de olhar pro céu a noite e admirar a sua maravilhosa beleza?! É sempre tão mágico, faz a gente refletir sobre a vida e renovar a nossa paz interior!

Beijos

Um Cantinho para Sonhar disse...

Vim conhecer teu cantinho e sonhar
com a imensidão do teu céu...!

Parabéns estrelado!
Suzy

Lindalva disse...

Sendo uma estrela como me intitulastes em teu soneto a mim dedicado fechei os olhos e me senti como tal... no céu da amizade embriaguei com o teu palavreado cósmico. Um beijo doce no coração do meu menino poeta.

Carol Bortolo disse...

olá samuel, muito obrigada pela visita em meu cantinho.. agradeço pelo maravilhoso comentario a respeito de meu blog e assim como voce disse a poesia esta sempre em nós, concordo com tudo que voce disse, obrigada mesmo :)
se blog também me fascinou, adorei.. muito bom os textos!
tenha uma ótima semana

http://t-alvez-p-oeta.blogspot.com.br/

Smareis disse...

Olá Samuel,

O seu soneto ficou maravilhoso.
Já contei muitas estrelas e já fiz alguns pedido a elas. Na Bíblia Sagrada tem uma passagem em salmos que diz que Deus conta o número das estrelas, chama-as a todas pelos seus nomes.
Parabéns amigo lindo seu soneto!

Beijos e uma ótima semana!

Celia Lima disse...

Dizem que os cometas servem para transmitir energia e paz de espírito. Estou começando a acreditar nisso depois que li o seu soneto...
Apreciar o céu, suas riquezas suas estrelas é maravilhoso.
Porém aqui na terra tem sempre um cometa a brilhar.
E vc é um desses cometas.
Parabéns pelos sonetos que escreves cada um mais lindo que o outro.
Abraços.

Evanir disse...

Samuel, meu querido amigo.
Pedaços de um coração quebrado meu encantamento pelo poema e pelo amigo , que você é Samuel.
Em poucas palavras , que vc deixou no meu blog vc disse tudo
és muito especial meu menino.
Sinto que entende minha alma , que jamais será colocado no meu blog a dor , que estou sentindo .
Temos uma grande amiga de muito tempo
com essa amiga temos uma amizade , que digo a vc ela me abraça forte de longe e acaricia minha alma.
Ela também tem muito carinho e admiração pela sua alma linda desprovida de todo tipo de maldade.
Samuel por isso sempre digo amo meus amigos aqueles , que sem saber ajuda -me a continuar nessa escalada de paredes lisas .Um lindo dia meu amigo nunca esqueça além de tudo sou sua fã.
Abraços ,Evanir.

Rovênia disse...

Olá Samuel,

Olhe a solidão... o rio derramado

Como não gostar disso? Nos apazígua!

Um grande abraço e ótimo dia pela frente!

Vera Lúcia disse...

Olá Samuel,

Lindo o soneto.
Contar estrelas soa muito romântico.
Amo apreciar um céu estrelado. É simplesmente fantástico e mágico.

"Vamos desenhar corações... e flores
Nas estradas infinitas..."

Abraço.

*Mirtes* s2 disse...

Oi Samuel, tudo bem?

Obrigada pela visita. Gostei muito do teu blog, esse soneto é lindo!
Parabéns!

beijos

Nyce Pinto. disse...

Olá Samuel, que lindo o que você escreveu! Quando passo aqui "bebo" em conta gotas dessa energia boa que encontro neste teu cantinho iluminado! Obrigada pela visita, sempre bem vindo e tenha uma quarta-feira de muitas alegrias... Um abraço!

MARILENE disse...

Seu soneto é um chamado à observação da beleza. E à adoção de atitudes que contribuem para um viver melhor. Vamos acordar a esperança! Lindo soneto. Bjs.

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Olá Samuel,passando para agradecer sua visita e comentário.
bjs amigo
Carmen Lúcia.

*** ZIZI *** PARA OS AMIGOS!!! ### disse...

Sempre adorei contar estrela rsrsrs! Soneto muito especial amigo!!!
Beijinhos estrelados...

nelma ladeira disse...

Eu também contava estrela,acho que a maioria das crianças fazem isso!
O brilho das estrelas nos chama atenção,nos encantam.
Adorei seu poema é simplesmente lindo!
Agradeço a sua visita,e seu lindo comentário.
Beijinhos e uma linda noite.

Lu Nogfer disse...

Lindo, sensível, romântico...
Teus versos transmitem a beleza que há no lirismo poético.
Palmas pra você querido amigo poeta e uma linda noite!

Beijos.

Dorli Silva disse...

Oi Samuel,
Passando para agradecer a visita no Mundo dos Inocentes, mas não esqueça do outro. Tá?
Um beijo
Mundo dos Inocentes

Patrícia Pinna disse...

Boa noite, Samuel. As estrelas são fascinantes, ver o brilho que entontece, ver desejos em cada uma delas escondido, sentir a pureza do céu, um embriagar de amor.
Amo as estrelas e a magia que elas passam.
Quando estamos acompanhados pelo amor, essa magia fica sem dimensão.
Beijos!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Cristal de uma mulher disse...

Lindas estrelas escreve teu pensamentos
que acolhe sua linhagem
Puro como este sorriso apaixonado pelas belas
enriquecendo as letras.

Beijinho amado

☆Lu Cavichioli disse...

Oi Samuca, já passei aqui hoje mas não comentei, apenas apreciei. Mas agora eis-me srsrsrs....

As luzes, o brilho o universo... Vi tudo isso neste soneto tão belo e delicado.

adoooro!
beijão

Ana Cecilia Romeu disse...

Lindo!
Quando o tempo e todas as coisas parecem ser apenas pequenos adornos...
Beijos!

Kaka Stelê disse...

Vamos contar estrelas!!! e olha que são muitas e lindas e capazes de nos transportar para um mundo mágico, o mundo onde tudo se torna tão pequeno diante delas.

Um Grande Abraço Samuel

Tais Luso disse...

Maravilhoso, querido Samuel!
Aplausos.
bjus.